Arquivo de 12 de agosto de 2010

.eu amei jesus.

Publicado: 12 de agosto de 2010 em Uncategorized

Êta cidadezinha sem graça

Não só faltou ônibus,

Como a luz se acabou na praça

Aquela onde esperava por Jesus

Jesus era o trocador

Todo dia eu o encarava

com certa tristeza e amargor,

pois Jesus, me olhava,

mas não era meu amor

Jesus, é na próxima parada

Disse com melancolia

Fora a última olhada

Nem amanhã eu o veria.

Circular, por aqui fico eu

Ainda bem que mudei de emprego

Fui embora, peguei o beco

mas em Jesus nem doeu

Primeiro dia, que susto tomei

O colega que sentou vizinho

Não era Jesus, mas era o Deusinho.

De novo me apaixonei.

(uma homengem à greve de ônibus)

Anúncios

.hiperatividade mental.

Publicado: 12 de agosto de 2010 em Uncategorized

.vamos fugir, beibe, desse lugar… já sentiu vontade de não estar nesse lugar agora, qualquer que ele seja? eu já. várias vezes. e sinto isso neste momento em que vos escrevo. vontade de não estar nesse lugar, nessa cidade, nesse estado e, quem sabe, neste país. dá pra visitar outro planeta também? dá. dá sim.

.viajar é comigo mesmo. gente que tem seu próprio mundo paralelo dá-se ao luxo de deixar este mundo ingrato na hora que bem entende. tudo bem que às vezes isso não é saudável, mas valá. todos temos nossa hora de “descanso”.

.em meio a trocentas coisas a serem feitas, arranja-se tempo para “pular fora”. os pensamentos viajam. eu viajo. se tivesse um controle de pensamentos, acho que não poderiam contar os meus. é um turbilhão. uma máquina de fazer pensamentos que não pára, nem ao dormir. é cada coisa absurda, hilária e vergonhosa. é cada coisa sem sentido. medo de mim.

.quantos seriam? 300 por minuto? ah…pode ser exagero, mas é quase isso. o problema é que há certos pensamentos que são fixos e que têm de ser pensados mais de uma vez no dia, ou que duram mais do que deveriam. sou uma mente inquieta. não há como segurar.

.hm..poderia eu projetar meus pensamentos, planejá-los? mas se eu penso em planejá-los já não tenho controle sobre esse pensamento em planejá-los. vamos pensar um pouco: se eu penso em não pensar, logo penso no que não queria pensar e então, tudo foi por água abaixo. ah, isso cansa. acho que estou mais hiperativa que o habitual. aqui vou eu, beibes, boa sorte para quem tantar me segurar. como uma menina danada, eu tô doida pra fazer arte.